PM é ferido ao prender suspeito de homicídio em Itanhém

 

Por ItanhemFest
 

A ação rápida dos PMs foi essencial para a prisão do suspeito do assassinato a sangue frio com pauladas, enquanto a  vítima
(Bruno Santos, 19), se encontrava dormindo em sua residência na Rua Novo Mundo, Bairro Monte Santo, no município de Itanhém.

Mesmo ouvindo a voz de prisão dos policiais, o suspeito, conhecido como Ramom Santos Porto, 20, não se entregou, sendo necessária a ação rápida e enérgica da guarnição composta pelos soldados Alan, Manfrini e Barreto, todos lotados no 2° Pelotão de Itanhém. Os PMs tiveram que fazer uso progressivo da força, para que tivessem êxito na ação.
 
 

Mas o soldado Alan, ao segurar o suspeito, no alto de uma laje, acabou caindo juntamente com o suspeito, o que causou uma suspeita de fratura da clavícula do PM. Ambos foram levados para o hospital local, fizeram o exame de corpo de delito.

O suspeito de homicídio e agressor do PM foi apresentado na DP de Medeiros Neto, para que sejam tomadas as medidas cabíveis.
 

O policial militar, por sua vez, foi encaminhado para Teixeira de Freitas, onde será submetido a uma intervenção cirúrgica.

Ressaltamos aqui o profissionalismo desses homens, que mesmo estando sob o jugo de uma sociedade que muitos insistem em não reconhecer sua determinação, esses PMs continuam protegendo cada cidadão, "MESMO COM O RISCO DA PRÓPRIA VIDA".


Notícia Postada em 06/11/2018
Comente esta notícia: