Depois de agredir Mulher Moranguinho, Naldo faz pocket show em batalhão militar

 

 Denunciado por agredir a esposa Ellen Cardoso, mais conhecida como a Mulher Moranguinho, Naldo se apresentou em uma confraternização de funcionários do 18º Batalhão da Polícia Militar (BPM) na tarde desta quarta-feira (7).

 Assim que foi liberado da Delegacia de Atendimento a Mulher (Deam), o cantor seguiu com sua agenda de compromissos, realizando um pocket show na festa de confraternização de fim de ano dos funcionários da corporação, em Jacarepaguá (RJ). Segundo informações do portal Extra, a apresentação aconteceu no Espaço Lonier, em Vargem Pequena.

Mais cedo, também na quarta, ele havia sido detido por porte de arma ilegal (veja aqui). A denúncia por agressão a Moranguinho foi feita por ela, no sábado (2). Em depoimento, a dançarina conta que o marido a agrediu com socos, tapas e puxões de cabelo de cabelo após uma discussão por ciúmes.

De acordo com a publicação, foi ela quem também informou a polícia de que Naldo tinha uma arma em casa. Ainda ontem, o cantor pediu perdão a esposa e aos fãs. Ele ressaltou que vai tentar se entender com a esposa e com a filha dos dois. "Estou extremamente destruído, arrependido, quebrado, machucado, completamente machucado, completamente arrasado, por tudo o que aconteceu. Uma saudade absurda da minha filha, uma saudade absurda da minha mulher. Vou lutar pela minha família", destacou o funkeiro.

Bahianoticas



Notícia Postada em 07/12/2017
Comente esta notícia: