Para não perder recurso, prefeitura faz projeto em regime de urgente e Itanhém é contemplada com 8 (oito) academias ao ar livre

 

Por ItanhemFest
A atual gestão da Prefeitura Municipal de Itanhém recebeu no dia 04.04.2017, da GIGOV – Itabuna, e-mail, reiterando solicitação já enviada anteriormente, cujo assunto era " O vencimento em 20 dias, do prazo para apresentação do projeto e documentação necessária para a instalação de 5 academias de saúde”, cujo convênio foi assinado pelo antigo gestor em 2015, que neste tempo de 2 anos não havia enviado o projeto para análise.

Após tomar ciência do assunto, a prefeita de Itanhém, Zulma Pinheiro, determinou à sua equipe técnica que não medisse esforços para resgatar o referido convênio, e assim foi feito. Dentro do prazo, em apenas 20 dias, foi elaborado o projeto de instalação das academias como também toda a documentação necessária, para que não perdesse o convênio. Em seguida foi enviado para a GIGOV – Itabuna.

Apos vários esforços da atual administração, Itanhém acaba de receber R$ 121.875,00 referente à primeira parcela para a instalação das Academias de Saúde, que de acordo o projeto de 2015 seriam 05 academias. Com o projeto feito pela gestão atual, o recurso dará para instalar 08 academias que deverão ficar prontas em janeiro de 2018.

"O recurso liberado pelo Ministério dos Esportes foi administrado, como deve que ser feito, com responsabilidade. Esses recursos ora destinados a 05 academias, dois anos depois, darão para instalar não 05, mas 08 academias. O esforço da atual gestão teve êxito. Ainda este ano começa a montagem das 08 academias”, disse a prefeita Zulma Pinheiro.

A indicação das academias foi feita pelo ex-vereador Gilberto Soares, o Rivelino (PT), com emenda do Deputado Federal Emiliano José, também do PT.
 
A prefeita de Itanhém, acompanhada do Secretário de Educação Álvaro Pinheiro também esteve com Imbassay onde fez essa solicitação para o aditamento desse recurso para o município.
 
Imagem ilustrativa


Notícia Postada em 27/11/2017
Comente esta notícia: