Zulma Pinheiro decreta 3 dias de luto em virtude da morte do ex-vereador Gerson Nascimento 'Cocazinho'

 

 

A prefeita de Itanhém, Zulma Pinheiro, decretou 3 dias de luto oficial em todo territorio municipal, em virtude da morte do ex-vereador Gerson Nascimento, mais conhecido como "Cocazinho, pela contribuio relevante dele para o municpio itanheense.

 Matéria aguapretanews -

O ex-vereador pelo municpio de Itanhém, Gerson Nascimento, popularmente conhecido por Cocazinho, 75 anos, morreu s 5h30 desta sexta-feira (1), na residncia da famlia, no bairro Bela Vista, na cidade de Teixeira de Freitas. Ele faria aniversrio no prximo dia 7.

Segundo informaes de familiares, h 10 meses o ex-vereador tratava de um cncer, que se espalhou pelos pulmes, causando insuficincia respiratria.

Cocazinho era alfaiate e foi vereador de 1977 a 1982 pelo Movimento Democrtico Brasileiro (MDB), quando o prefeito do municpio era Édmo Afonso. Nomes conhecidos da poltica municipal, como o ex-prefeito Dr. Oséas, Joo Acar, Cassimiro Correia e Mamédio, na época, também integravam a Cmara Municipal.

 

 

Em nmero de votos Gelson Picoli é o vereador mais bem votado da histria poltica de Itanhém. A sua maior votao foi em 2012, quando ele teve 920 votos, o que representou 7,66% dos votos vlidos. Mas, Cocazinho, segundo informaes no confirmadas pela reportagem, na ocasio, obteve mais de 800 votos e isso teria representado mais de 10% dos votos vlidos.

"Era um poltico que defendia os interesses da sociedade, que no se envolvia em corrupo e que tinha uma boa relao com todos. Meu pai era da Arena [Aliana Renovadora Nacional] e, mesmo Cocazinho sendo do MDB eles tinham uma relao respeitosa, lembrou Ubirajara Acar, filho de Joo Acar, vereador da época.

O corpo do ex-vereador est sendo velado na Igreja Presbiteriana, na Avenida So Paulo, n 634, Bairro Jardim Carape, em Teixeira de Freitas e o sepultamento est previsto para acontecer s 15h30 desta sexta-feira.

FOTOS: arquivos da famlia -Edelvanio Pinheiro - Aguapretanews


 



Notícia Postada em 01/09/2017
Comente esta notícia: