Juntos, somos fortes. Uma semana de realizações para todos

 

 

É inquestionável a verdade contida no ditado popular de que "a união faz a força” ou "um povo unido jamais será vencido”.

Difícil e complicado é promover essa união e, a partir dela, arrumar as coisas erradas, encontrar a solução para os problemas e dificuldades que enfrentamos no dia a dia, seja na nossa casa, seja no nosso trabalho, seja na administração pública.

Fato é que o tempo todo estamos tentando resolver os problemas ao nosso redor, que não são poucos, tentando sozinhos ou com a ajuda de alguém, de um parente, de um amigo ou do poder público. Claro que, sem ajuda, tudo fica mais difícil. Tudo se torna mais complicado.

Finalmente, toquei no ponto que gostaria de tocar: o papel do vereador é auxiliar na solução dos problemas do município e, portanto, na solução das dificuldades enfrentadas por seu povo, na solução dos desafios enfrentados pelo poder público. Sim, são atribuições do vereador legislar e fiscalizar o Executivo municipal, mas tudo isso perde a razão de ser e se anula se ele cruzar os braços e se negar a vivenciar os problemas e os desafios dos seus representados e, muito pior, se ele se negar a ajudar na busca de uma solução para esses problemas e desafios. E se acomodar no vazio da oposição gratuita a troca de 15 minutos de fama. Ou de polêmica.

Como representante do povo na Câmara de Vereadores de Itanhém, estou muito consciente do meu papel de legislador e fiscal, mas quero ir além, quero participar das soluções dos problemas que afetam a todos nós, sobretudo a quem mais precisa. Quero propor soluções, quero ser um parceiro, quero botar a mão na massa.

Enfim, quero ser parte da solução do problema e não da complicação dele. Quero somar, multiplicar. Seja você também parte da solução dos problemas de Itanhém. Porque, juntos, somos mais fortes.

Leiam também:

O hospital é dos itanheenses, logo essa luta é de todos


 



Notícia Postada em 20/03/2017
Comente esta notícia: