Itanhém - Assassino teria arrancado língua, olho e orelha da vítima

O delegado titular de Itanhém, Jorge da Silva Nascimento, garantiu que vai esclarecer um homicídio ocorrido na fazenda Paulista, a 20 km da cidade de Itanhém, próximo ao distrito de Santa Rita do Planalto. O crime provavelmente ocorreu na noite desta terça-feira (24), mas o corpo só foi encontrado na manhã de quarta.

O vaqueiro Gilson Rodrigues da Silva Portugal, 45 anos, pai de duas filhas - uma de 13 outra de 15 anos -, foi morto provavelmente a golpes de facão.

O delegado e a Polícia Técnica estiveram no local para remover o corpo para o Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas. O olho, a língua e a orelha da vítima foram arrancados. O perito Manoel Garrido, no entanto, foi cauteloso e explicou que só a perícia poderia identificar se os órgãos foram arrancados pelo autor ou por algum animal durante a noite.

O principal suspeito é João Mário Santos de Oliveira, vulgo PT, que trabalhava com a vítima na fazenda e está desaparecido. Os dois foram vistos durante todo o dia de terça-feira. “Até umas 17 horas eu vi eles aí trabalhando (sic)”, disse uma pessoa que não quis se identificar. “Isso aí foi facão porque PT estava com um facão na cabeça da sela”, completou.

Fonte radar58

Notícia Postada em 25/12/2013
Comente esta notícia: